Google Ads para Advogados: Advogado pode anunciar no Google?

Google Ads para Advogados: o que é, como funciona e como fazer dele o seu aliado para crescer e prospectar clientes respeitando a OAB.
Total
0
Shares
Advogado pode anunciar no Google?

1) Advogado pode anunciar no Google Ads?

Com a publicação do Provimento n. 205/2021, passou a ser expressamente permitida a utilização do Google Ads para advogados e escritórios de advocacia! 📢📜

Calma, se você ainda não teve tempo de ler o novo Provimento, vou deixar o link de dois artigos super atualizado que escrevi sobre o tema: Guia Completo do Marketing Jurídico de Acordo com as Novas Regras da OAB e Top 14 Dúvidas sobre a Publicidade na Advocacia: Respostas Oficiais da OAB.

Mas, obviamente, a OAB estabeleceu alguns limites éticos que devem ser respeitados pelos advogados na hora de utilizar o Google Ads como forma de publicidade jurídica.

Do mesmo modo, anunciar no Google não é uma tarefa tão simples, sendo que existem algumas dicas que podem lhe ajudar a entender melhor como a plataforma funciona e como fazer anúncios que efetivamente lhe tragam retorno! 💰

Pensando nisso, decidi escrever esse novo artigo, como uma espécie de Guia Rápido de Google Ads para Advogados.

👉🏻 Dá uma olhada em tudo o que você vai aprender: 

  • O que é o Google Ads e como ele funciona;
  • O que dizem as normas da OAB sobre Google Ads para advogados;
  • Se o Google Ads dá resultados ou não para escritórios de advocacia;
  • Resumo de como criar um anúncios no Google Ads;
  • Dicas para anunciar seus serviços de advocacia de forma ética no Google Ads.

Mas antes de aprofundarmos a questão, vou deixar para vocês um Guia Para Atrair Clientes na Advocacia Online que está sendo gentilmente disponibilizado pelos colegas advogados do Cálculo Jurídico. Caso você tenha interesse em obter o guia gratuitamente, basta clicar no link e informar seu nome e email para recebê-lo agora mesmo. 😄

1.1) Google Ads para advogados e o Código de Ética da OAB

Antes da publicação do Provimento n. 205/2021, não existia norma que tratasse sobre o uso de ferramentas como o Google Ads por advogados. 

Do mesmo modo, não havia consenso entre os TEDs (Tribunais de Ética e Disciplina da OAB) sobre ser ético ou não os advogados utilizarem esse tipo de ferramenta de anúncio. 

Por exemplo, enquanto o TED de São Paulo se posicionava no sentido de ser possível a utilização do Google Ads pelos advogados, o TED do Distrito Federal era contrário. 

Portanto, antes de utilizar esse tipo de anúncio, cada advogado tinha que pesquisar qual era o posicionamento do TED do seu Estado… 😴  

Agora, com o Provimento n. 205/2021, passou a ser expressamente permitido o emprego de anúncios (pagos ou não) nos meios de comunicação (salvo nos meios vedados pelo art. 40 do Código de Ética e Disciplina – CED). 

👉🏻 Nas palavras do Anexo Único do novo Provimento:

“Aquisição de palavra-chave a exemplo do Google Ads: Permitida a utilização de ferramentas de aquisição de palavra-chave quando responsivo a uma busca iniciada pelo potencial cliente e desde que as palavras selecionadas estejam em consonância com ditames éticos. Proibido o uso de anúncios ostensivos em plataformas de vídeo.” (g.n.)

Além disso, o art. 4º do novo Provimento também autoriza o marketing de conteúdos jurídicos,  prevendo que poderá ser utilizada a publicidade ativa ou passiva, através de anúncios pagos ou não

Mas a publicidade profissional deve ter caráter meramente informativo (por isso o marketing de conteúdo é tão importante) e primar pela discrição e sobriedade, não podendo configurar captação de clientela ou mercantilização da profissão, nos termos do art. 3º do Provimento n. 205/2021 e do art. 28 e seguintes do Código de Ética e Disciplina da OAB.

Recordando que, apesar de não haver norma contendo expressamente a vedação, a questão dos anúncios de serviços advocatícios em sites de compra e venda (como a OLX) nitidamente configura mercantilização da profissão e captação de clientela, o que, como se sabe, não é permitido pela OAB.

É o que explico no artigo Advogado pode anunciar na OLX? O que diz a OAB, então fica a dica de leitura! 😉

2) O que é o Google Ads?

O Google Ads (antigamente chamado de Google Adwords) é a plataforma de publicidade online do Google, que serve para anunciar sites, produtos e serviços nos aplicativos e sites do Google, sites parceiros, Youtube etc. 

Atualmente, ele é a principal fonte de receita do Google, que é o maior site de busca online do mundo. 🤑

Sabe aquele método tradicional de anúncio em jornais, rádios, revistas, TV, outdoors etc.? Então, podemos dizer que o Google Ads é uma versão mais moderna e simplificada disso, em que você “aluga” um espaço virtual para divulgar seus produtos e serviços. 

E anunciar de forma online pelo Google Ads tem uma vantagem a mais, se comparado aos métodos tradicionais: o anúncio poderá ser exibido no momento certo, ou seja, na hora em que as pessoas estão pesquisando no Google algo relacionado àquilo que você oferece. 

“Nossa Alê, então é por isso que quando estou pesquisando por carros, por exemplo, começam a surgir várias propagandas de concessionárias?”

Sim, e a mesma estratégia pode ser aplicada por você, para divulgar seu escritório de advocacia! 😉

2.2) Como funciona o Google Ads?

Basicamente, o Google Ads funciona assim: você cria uma “campanha” (nome que o Google dá ao(s) conjunto(s) de anúncios) e a plataforma faz a divulgação. 

Os anúncios da campanha podem ser de formatos diferentes, como textos 📜, fotos 📷 e vídeos 🎥. 

Inclusive, é legal utilizar vários tipos de anúncios, para ir entendendo qual deles apresenta uma melhor performance e gera mais resultados! 

2.3) Passo a passo do Google Ads

Agora, vou explicar de forma resumida o passo a passo geral do Google Ads!

Primeiro, o Google lhe dá a opção de escolher qual a meta que deseja alcançar com esse anúncio: 🎯 

  • Vendas:  gerar vendas online, no aplicativo, por telefone ou na loja; 
  • Leads: incentivar pessoas que demonstram um interesse inicial no seu produto ou serviço a se tornarem clientes em potencial; 
  • Tráfego do site: fazer com que as pessoas certas (com mais chances de se tornarem clientes) acessem seu site
  • Consideração de produto e marca: incentivar pessoas a conhecer seus produtos ou serviços; 
  • Alcance e reconhecimento de marca: alcançar um público-alvo amplo e promover o reconhecimento; 
  • Promoção de app: gerar mais instalações, interações e pré-registros para seu aplicativo;
  • Visita a lojas locais e promoções: impulsionar visitas a estabelecimentos comerciais locais; 
  • Criar uma campanha sem meta: usar qualquer tipo de campanha disponível, sem recomendações de meta.

[Obs.: É claro que nem todas as opções fornecidas pelo Google são aplicáveis aos serviços jurídicos, como, por exemplo, vendas e promoção de app. Portanto, recomendo que pesquise e preste atenção na hora de selecionar a sua meta].

Depois, você seleciona o tipo de campanha que deseja contratar, de acordo com a meta que escolheu na etapa anterior (é o tipo de campanha que determina onde os clientes visualizarão seus anúncios, além das configurações e opções que ficarão disponíveis para você).

🤓 Atualmente, o Google Ads oferece 8 tipos de campanhas, que variam de acordo com o objetivo:

  • Rede de pesquisa: gerar mais acessos para seu site com anúncios de texto ou de chamada exibidos perto dos resultados de pesquisa do Google, de sites parceiros e alguns outros locais. É principal tipo de campanha e também o mais simples de usar;
  • Rede de display: atrair mais acessos para seu site, criar uma lista de visitantes com anúncios exibidos em toda internet e otimizar o desempenho da sua campanha (é possível selecionar os assuntos da página ou sites em que os anúncios serão exibidos e para qual público-alvo);
  • Smart: gerar ligações de clientes ou visitas ao local com anúncios automatizados que são exibidos no Google, no Google Maps e na internet.  É a campanha ideal para quem quer automatizar os anúncios, além de possibilitar que você só pague quando as pessoas clicarem no seu anúncio;
  • Shopping: divulgar perto dos resultados de pesquisa do Google imagens de produtos e serviços de sua loja virtual ou e-commerce
  • Vídeo: criar anúncios em vídeo para aumentar o alcance e o reconhecimento, estimular o engajamento ou impulsionar conversões de clientes;
  • Discovery: criar anúncios personalizados para seu público-alvo, através dos mecanismos do Google de compreensão de intenção de busca dos usuários. É ideal para quem quer vender em alta escala ou divulgar de forma mais apurada para clientes em potencial; 
  • App: criar anúncios de promoção de aplicativos veiculados nas redes de pesquisa e de Display do Google, no Google Play (dentro de outros aplicativos) e no YouTube.

Vale dizer que, de acordo com o tipo de campanha que deseja contratar, será necessário que você se cadastre antes no Google Meu Negócio

Em seguida, o Google pede para você escolher: as configurações de segmentação e público-alvo (de acordo com seu tipo de campanha), as datas de programação do anúncio, a segmentação por local, o idioma, as eventuais extensões, o orçamento a ser investido e o lance que irá dar pelo anúncio. 

“Você disse lance, Alê?” 🤔

Sim, o Google Ads funciona em sistema de leilão: o anunciante oferece uma quantia em dinheiro em troca de cliques, de acordo com a oferta e a procura

Resumindo, esse “ranqueamento” é feito pelo Google através de um algoritmo chamado Ad Rank, que determina uma pontuação a partir do que eles chamam de Índice de Qualidade do Anúncio (IQ) x Lance (Custo por Clique Máximo). 

Sim, caros leitores, Google Ads é uma ciência! 😂

Mas saiba que nem sempre o anúncio com a maior oferta será aquele que ficará em posição melhor, porque o Google também analisa outros fatores além do lance (como qualidade do anúncio, se respeita as diretrizes do Google etc.).

Por último, mas não menos importante: O Google Ads trabalha de forma pré-paga, sendo que o pagamento do valor pode ser feito através de boleto bancário ou cartão de crédito

Funciona assim: o advogado determina o valor máximo que quer pagar por cada clique no seu anúncio durante um mês, depois o Google desconta esse valor do crédito da pessoa.

Mas me fala, você já usou o Google Ads para divulgar seus serviços advocatícios ou ainda não se sente seguro para isso? Compartilhe comigo nos comentários! 😉

3) Google Ads dá resultado para escritório de advocacia?

Sim, o Google Ads dá resultado para escritórios de advocacia, isso porque permite divulgar seus serviços de forma rápida e sem necessariamente ter que fazer grandes investimentos em publicidade!

✅ Outro ponto positivo é que é possível analisar e medir em tempo real o desempenho das suas campanhas de anúncios, o que permite otimizar o seu orçamento e não desperdiçar o investimento com público desqualificado.

Porém, como tudo o que envolve o marketing jurídico, é preciso que você utilize essa ferramenta de forma inteligente e estratégica, sabendo quais tipos de resultados você deseja alcançar.

“Ah Alê, o objetivo é óbvio: conquistar novos clientes e aumentar o rendimento financeiro do escritório.” 

Ok, podemos dizer que esse é o “objetivo final”. Mas, para fazer um anúncio certeiro no Google Ads, será necessário que o advogado também defina outros aspectos, por exemplo:

  • Quem é seu público-alvo?
  • Como você quer que seu escritório de advocacia seja visto pelos clientes?
  • Você tem estrutura para receber muita demanda ou não?
  • O objetivo é conquistar clientes locais ou de todo país?

Quanto mais definido isso estiver, com certeza aumentam as chances de seus anúncios gerarem um maior retorno e converterem efetivamente os internautas em clientes! 😎

E já que estamos falando sobre posicionamento profissional, você já ouviu falar em branding jurídico

🤯 Saiba que essa é uma poderosa ferramenta de construção e gestão de marca do advogado ou do escritório de advocacia, que permite a diferenciação do profissional no mercado. 

Para entender do que se trata e como utilizá-las a seu favor, é só ler o artigo: Branding Jurídico: Guia Completo (Respeitando a OAB)

4) Google Ads para Advogados

4.1) Faço sozinho ou contrato um profissional?

Acho que a primeira pergunta que recebo dos colegas quando o assunto se trata de Google Ads é: “Alê, preciso contratar um profissional de marketing para fazer meus anúncios?”.

E minha resposta é: depende. 😝

Se você tem facilidade com o ambiente digital ou pelo menos está disposto a estudar um pouco e aprender sobre o assunto, saiba que o Google Ads tem uma interface intuitiva e fácil de entender, de modo que você pode dar conta do recado sozinho.

Mas se você tem dificuldade em trabalhar com ferramentas digitais ou não tem tempo para estudar sobre o assunto, aí eu recomendo que contrate um profissional especializado nesse tipo de serviço. 

Inclusive, caso não encontre profissionais da área na sua cidade ou prefira a praticidade de resolver tudo online, existem várias agências digitais. É só dar uma pesquisada na internet, é bem fácil de encontrar!

⚠️ Lembrando que, assim como nas questões relacionadas à nossa área do Direito, nada substitui o serviço de um profissional. Portanto, caso tenha a possibilidade de contratar alguém especializado em marketing jurídico digital, vale a pena!

4.2) 3 dicas para anunciar serviços de advocacia no Google Ads

Para lhe ajudar a anunciar seus serviços de advocacia no Google Ads de forma inteligente e eficaz, selecionei 3 dicas que considero essenciais para atingir bons resultados!

4.2.1) Defina seu público-alvo e quais serviços pretende oferecer

Quanto mais especializado for seu serviço, melhor. Mas além de definir sua área de atuação, vale a pena identificar quais serviços quer divulgar e quais tipos de clientes você quer atrair! ⚖️👥

Por exemplo, se você é um advogado previdenciarista e deseja conquistar clientes para planejamento previdenciário, sua estratégia de anúncio deverá focar nesse tipo de cliente.

Já se você é advogado previdenciarista e está ajuizando ações específicas para aposentadorias de militares, a estratégia de anúncio será outra (talvez, até direcionada para divulgar os anúncios em cidades em que militares residem).

Lembre-se sempre que o objetivo do Google Ads é atrair o cliente que tem interesse nos seus serviços. Então pense sempre no que esse público procura quando está pesquisando no Google!

[Obs.: Se você quiser aprender mais sobre prospecção ética de clientes pela internet,  recomendo a leitura do artigo: Em quais canais virtuais posso prospectar clientes de advocacia sem ofender a OAB?]

4.2.2) Faça um estudo prévio das palavras-chaves

Na hora de escolher as palavras-chaves dos seus anúncios, evite expressões genéricas, como “advocacia”, “advogados”, “direito” etc. Prefira utilizar palavras que expressem mais especificamente o tipo de serviço jurídico que você oferece. 

💡 Inclusive, existe um Planejador de Keywords do Google Ads para lhe ajudar a encontrar as palavras-chave mais adequadas para seus serviços!

Vale a pena também estudar um pouco de SEO (sigla em inglês para Search Engine Optimization, cuja tradução seria Otimização para Mecanismos de Busca), conjunto de técnicas e métodos que visam melhorar o posicionamento de suas páginas no Google.

Como contei para vocês no meu artigo 10 coisas que aprendi com meu blog jurídico (vale a pena a leitura!), eu mesma utilizo as técnicas de SEO em minhas publicações. São através delas que identifico as palavras-chave e descubro como “adivinhar” o que as pessoas queriam ler.

Isso faz com que as páginas fiquem bem posicionadas no Google, o que traz muitos leitores para os meus artigos! 😉

4.2.3) Acompanhe e analise seus resultados no Google Ads

O próprio Google Ads fornece gratuitamente métricas de desempenho das suas campanhas de anúncios. 📊📈

E o Google Analytics é outra ferramenta gratuita que permite monitorar em detalhes todas as visitas que você recebe em seu blog ou site

Eu também o utilizo aqui no blog e acredito que é um excelente aliado na hora de tomar decisões relacionadas à estratégias de marketing jurídico digital. 

Portanto, talvez até mais importante do que gerar o anúncio, seja acompanhar os resultados e ir entendendo quais estratégias estão funcionando na sua realidade prática. 

Caso você não queira perder dinheiro (acho que ninguém quer, né? 😂), fazer isso é essencial!

5) Conclusão

No artigo de hoje, conversamos um pouco sobre Google Ads para advogados, uma poderosa ferramenta de marketing digital que agora passou a ser expressamente permitida pela OAB

Em minha opinião, esse foi um dos maiores avanços trazidos pelo Provimento n. 205/2021, que com certeza irá mudar a forma como a divulgação dos serviços jurídicos está sendo praticada no Brasil!

E já que estamos no final do artigo, que tal darmos uma revisada? 😃

👉🏻 Para facilitar, fiz uma listinha com tudo o que você aprendeu hoje:

  • O que é o Google Ads e como ele funciona;
  • O que dizem as normas da OAB sobre Google Ads para advogados;
  • Se o Google Ads dá resultados ou não para escritórios de advocacia;
  • Resumo de como criar um anúncios no Google Ads;
  • Dicas para anunciar seus serviços de advocacia de forma ética no Google Ads.

Lembrando que você pode baixar o Guia Para Atrair Clientes na Advocacia Online que está sendo gentilmente disponibilizado pelos colegas advogados do Cálculo Jurídico. Caso você tenha interesse em obter o guia gratuitamente, basta clicar no link e informar seu nome e email para recebê-lo agora mesmo. 😄

6) Fontes

Lei n. 8.906, de 4 de julho de 1994 (Estatuto da Advocacia e da OAB)

Resolução n. 02/2015 (Código de Ética e Disciplina da OAB)

Provimento n. 205/2021 da OAB

10 coisas que aprendi com meu blog jurídico

Advogado pode anunciar na OLX? O que diz a OAB

Branding Jurídico: Guia Completo (Respeitando a OAB)

Como funciona o Google Ads? Saiba como usar app para anunciar no Google

Em quais canais virtuais posso prospectar clientes de advocacia sem ofender a OAB?

Google Ads (AdWords): o que é, como funciona e como você pode utilizá-lo a seu favor

Google Ads para Advogados: 12 dicas de como utilizar a ferramenta de acordo com a OAB

Google Ads para advogados: o que é e como usá-lo?

Google meu Negócio: o passo a passo para você colocar sua empresa no mapa ainda hoje

Guia Completo do Marketing Jurídico de Acordo com as Novas Regras da OAB

Top 14 Dúvidas sobre a Publicidade na Advocacia: Respostas Oficiais da OAB

Marketing de conteúdo para advogados é permitido pela OAB?

Planejador de Keywords do Google Ads

Publicidade na advocacia: por que a OAB é tão rigorosa?

Seu site jurídico precisa de mais visitantes? Aprenda a aumentar o seu tráfego sem desrespeitar as normas da OAB

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Você também vai gostar